ÁFRICA ERRADICA A POLIOMIELITE SELVAGEM

1,8 milhões

de casos de poliovírus selvagem prevenidos*

9 mil milhões

de doses da vacina oral contra a poliomielite administradas*

220 milhões

de crianças vacinadas várias vezes por ano

2 milhões 

de vacinadores voluntários oferecem apoio às campanhas de poliomielite todos os anos

* Estimativas para o período 1996–2020

Em 1996, o grande líder africano Nelson Mandela lançou a campanha ‘Kick Polio Out of Africa’, definindo a visão de uma África livre da poliomielite. Nessa altura, o poliovírus selvagem paralisava 75 000 crianças todos os anos. 


De modo a proteger as comunidades desta terrível doença, os líderes africanos, os profissionais de saúde, os voluntários, os pais, os doadores e as organizações mundiais uniram-se para que todas as crianças recebessem a vacina contra a poliomielite.  


A 25 de Agosto de 2020, após quatro anos sem um único caso de poliovírus selvagem, a Região Africana foi certificada como estando livre do vírus. Décadas de investimentos extraordinários deram frutos. 


Mas o trabalho ainda não está terminado. Estes esforços devem continuar para prevenir que o poliovírus selvagem regresse e para acabarmos de vez com todas as formas de poliomielite, tanto em África como no resto do mundo.

ERRADICAÇÃO DO POLIOVÍRUS SELVAGEM EM ÁFRICA

LINHA CRONOLÓGICA: ERRADICAÇÃO DA POLIOMIELITE EM ÁFRICA

Início dos anos 1900

A doença mais temida do mundo

1950-1960

As vacinas contra a poliomielite trazem esperança

1970-1980

A poliomielite nos países em desenvolvimento

1980-1990

O mundo inteiro mobiliza-se contra a poliomielite

1990-2000

A Região Africana mobiliza-se para erradicar a poliomielite

2000-2010

Um passo em frente, dois passos atrás

2010-2020

A reta final

O legado da erradicação da poliomielite em África

Acabar com o poliovírus selvagem em África proporcionou benefícios muito para além de salvar crianças da paralisia. Os sistemas de saúde e os programas de saúde pública africanos estão muito mais fortes devido aos investimentos feitos na vacinação, na vigilância de doenças e na resposta a surtos. 


Hoje, uma vasta rede de funcionários e agentes comunitários formados para lutar contra a poliomielite ajudam a proteger milhões de crianças de doenças preveníveis pela vacinação, apoiando simultaneamente a resposta a emergências sanitárias, como a COVID-19. Devemos continuar a tirar partido do legado da poliomielite, utilizando-o como base para alcançar outros objectivos importantes de saúde na Região Africana.

Artigos sobre a poliomielite

República Democrática do Congo: Voluntários não poupam esforços para alcançarem todas as crianças

As cinco principais soluções tecnológicas que ajudaram a erradicar o poliovírus selvagem na Região Africana

Nigéria: Borno – A última fronteira africana para a erradicação do poliovírus selvagem em África

Mandela: O líder que ajudou a erradicar a poliomielite na Região Africana

Como certificar uma região livre do poliovírus selvagem: Entrevista com a Professora Rose Leke

Como é que as infra-estruturas africanas utilizadas na luta contra a poliomielite ajudaram na resposta à COVID-19

Os actores da erradicação da poliomielite em África

Foi possível acabar com o poliovírus selvagem na Região Africana graças à dedicação incansável de milhares de heróis na linha da frente, sobreviventes da poliomielite e campeões que dedicaram inúmeras horas e viajaram milhares de quilómetros, correndo por vezes grandes riscos, para vacinar as crianças contra a doença.

República Democrática do Congo: Téo Ntituvuidi e Coco Ngambali

AKOWP_Artboard-5-copy-7

Nigéria: Ayuba Gufwan

Roger Vuanda Movita was only two when polio took away his ability to walk. The crippling disease, locally known as buka-buka, has since hindered his life. The seventeen surgical operations he has undergone throughout his lifetime have not allowed him to fully regain the use of his lower limbs. Nevertheless, today at age 58, Roger is a successful sports journalist in Bas Congo province of the Democratic Republic of the Congo.

República Democrática do Congo: Roger Vuanda Movita

Nigéria: Lawan Didi Misbahu

Nigéria: Isaiku Musa Maaji

Nigéria: Adama Balla

DRC: The great lengths that polio vaccinators go to reach every last child

Sudão do Sul: James Giir Thiik

Côte d’Ivoire: Marie-Irène Richmond-Ahoua 

Centro de imprensa

Mali: Adama Traoré

Nigéria: Rahane Lawal

Nigéria: Tunji Funsho

Níger: Hawa Amadou 

Nigéria: Falmata Mustapha

Benim: Angélique Kidjo

Quénia: Harold Kipchumba

Nigéria: Alhaji Aliko Dangote

Nigéria: Adamu Musa

Nigéria: Tiwa Savage

Uganda: Patience Asiimwe

Pilares da erradicação da poliomielite

Erradicar todas as formas de poliomielite na Região Africana requer uma combinação de estratégias adaptadas aos desafios enfrentados pelo continente, como a distância, a migração e a falta de segurança.

Vacinação

Como o programa da poliomielite chegou a todas as crianças da Região Africana

Vigilância da doença

Do terreno ao laboratório – como são detectados os casos de poliomielite

Resposta a surtos

Responder a surtos de poliovírus circulante derivado da vacina

Scroll to Top